quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Poesia amarga - poesia



Sonhei que escrevia poesias...
Acordei com boca amarga e seca
Como palavras ditas sem pensar
em momentos de triste agonia.
Poesia é imagem do espelho
que reflete olhares que fingem
almas que vagam
que não querem para seu corpo voltar

Nenhum comentário:

Postar um comentário